Os presentes do passado

Ainda há cacos do ano de 2008 pelo chão do bloco T. E eles ainda são afiados o bastante pra me machucar. Meu caminho é traçado no desvio deles. Não posso me entregar à distração. Sempre há a possibilidade de uma dor aguda rasgar-me a planta dos pés e me impedir de continuar a caminhar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s